BOLA SUIÇA NAS ACADEMIAS

2 Flares Filament.io 2 Flares ×

Bola suíça ou fit ball

Profª Claudia Leo
Graduada pela Universidade Gama Filho
Cref:017455-G/RJ
bolas suíças ou fit ball

Depois de aparecer para a indústria fitness na década de 80, as bolas suíças ou fit ball,  ganharam força nas academias no início dos ano 2000. Hoje ocupam papel importante no treinamento individual cotidiano, na preparação física de atletas de várias modalidades, em reabilitação de lesões e como forma alternativa de treino e aptidão.

Seus tamanhos podem variar e podem suportar uma carga de até 300kg. Para descobrir o diâmetro ideal para cada pessoa, pode-se utilizar o método de sentar na bola e flexionar os joelhos para que fiquem em 90 graus paralelamente ao chão.

Seus benefícios incluem trabalhar a dinâmica corporal, através da consciência de movimentos e respiração, desenvolver o equilíbrio e a coordenação, além de diminuir consideravelmente o impacto em articulações e na coluna vertebral.

Com o uso constante e variedade de exercícios, pode-se adquirir um corpo forte e flexível, proveniente da instabilidade motora proporcionada pelos movimentos, de acordo com os níveis de dificuldade e aptidão de cada um.

Atualmente, as fit ball ou bolas suíças vem sendo usadas em aulas coletivas e como parte do treinamento funcional, visando estabelecer um aumento no rendimento, na motivação e no desempenho, já que com a vida cotidiana, cada vez mais buscamos implementos que possam transformar nosso dia-a-dia, tornando-o melhor e mais produtivo.

Como diferencial do treinamento a bola apresenta a dificuldade em se manter em cima dela. Com isso, os órgãos  proprioceptores são ativados e o indivíduo acaba ganhando força e equilíbrio, trabalhando a musculatura mais profunda da coluna, do abdômem e outros segmentos corporais.

Os benefícios da bola são muitos, a começar pelo caráter lúdico de seu uso, tornando os exercícios mais divertidos e prazerosos de serem feitos, podendo ser utilizada por crianças, gestantes, idosos e pessoas em reabilitação, respeitando sempre os limites fisiológicos de cada um, assim como os resultados irão variar da individualidade biológica de cada pessoa.

Entre as centenas de exercícios com a bola, podemos destacar os principais e mais utilizados:

 

  1. Abdominais;
  2. Extensões lombares;
  3.  Exercícios com bola para peito e costas;
  4.  Exercícios com bola para os braços;
  5. Exercícios com bola para pernas e glúteos;
  6.  Equilíbrios e específicos para o desporto.

Finalmente, a bola tem tido papel crucial no fortalecimento daquilo que se entende como “core”, termo utilizado para definir  os músculos e outros tecidos da região do tronco, especificamente a região lombo-pélvica. A estabilidade dessa região é importantíssima, visto que para suportar carga e proteger a coluna vertebral, é necessário que membros inferiores e superiores estejam perfeitamente alinhados e harmoniosos em relação ao tronco. Segundo Panjabi MM. (Dez/1992), a estabilidade do core pode ser definida como a capacidade que os músculos, ligamentos e órgãos proprioceptores têm em manter a zona intervertebral neutra, dentro dos limites fisiológicos. Portanto, a bola seria mais que apropriada para os fins de fortalecimento e estabilidade daquilo que costuma se chamar de ponto de equilíbrio do nosso corpo.

 

 

Referências Bibliográficas:

1. www.gease.pro.br/artigo

2.http://www.buscasaude.com.br/materias-fisioterapia/os-beneficios-da-bola-suica-na-saude/

3. Behm DG, Drinkwater EJ, Willardson JM, Cowley PM. The use of instability to train the core musculature. Applied physiology, nutrition and metabolism = Physiologie appliqué, nutrition et metabolism. Feb 2010;35(1):91-108.

 

3. Panjabi MM. The stabilizing system of the spine. Part I. Function, dysfunction, adaptation and enhancement. Journal of spinal disorders. Dec 1992;5(4):383-389; discussion 397.

 

4. http://pt.wikipedia.org/wiki/Bola_suíça

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
2 Flares Google+ 0 Twitter 0 Facebook 2 Filament.io 2 Flares ×

Deixe uma resposta