Funcional x Musculação

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

Musculação Tradicional x Treinamento Funcional na questão de HIPERTROFIA

Treinamento Funcional

Prof. Fabricio Fouraux
Pós-graduações em Anatomia Humana, Biomecânica e Medicina Desportiva.
Mestrado em Bioética e Direitos da Saúde.

 

Primeiramente é importante tocar em alguns pontos.

Neste texto quando falamos de HIPERTROFIA estou referindo a estética, grande aumento de massa muscular e não somente hipertrofia muscular que pode ser alcançada até com simples estímulos fisiológicos e oclusão vascular, já comprovados em vários artigos publicados no PUBMED.

 

Histórico do treinamento funcional

O treinamento funcional NÃO é uma novidade, afinal a funcionalidade do ser humano já foi uma questão de sobrevivência desde seu aparecimento sobre a terra. Os movimentos básicos de agachar, levantar, puxar, empurrar, correr, saltar já eram feitos. Na Grécia Antiga encontramos os Jogos Olímpicos e já faziam melhoria da performance os atletas gregos desenvolvendo métodos e equipamentos de treinamento específicos para superação de resultados. Esta prática, também foi aplicada na Roma Antiga, entre os gladiadores. Os primeiros artigos datam do ano de 1949 e estão relacionadas com a fisioterapia. A aplicação nos esportes tem uma data mais recente, década de 1980, mas isso é no exterior e no Brasil em 1990 focado na preparação de lutadores.

Em 2004 é lançado o Treinamento Funcional Resistido, primeiro livro sobre o treinamento funcional escrito por autores Brasileiros uma versão de atividade física ligada a capacidades funcionais do dia-a-dia e a reabilitação, fazendo muito uso dos exercícios integrados e seguindo mais a linha do que encontramos em ARTIGOS CIENTÍFICOS.

No Brasil existem três linhas metodológicas que são chamadas de treinamento funcional, uma mais voltada a especificidade esportiva, outra que vem do Pilates que é focada no Power house (que no treinamento funcional chamamos de core) e por último temos a visão dos exercícios integrados para melhoria das capacidades funcionais.

 

MAS O QUE VEM A SER O TREINAMENTO FUNCIONAL?

O treinamento funcional é uma metodologia de treino que enxerga o corpo de maneira global, treinando o corpo através de movimentos Básicos já citados E TEM COMO OBJETIVO:treinar funcionalidades através do princípio de transferência, com o qual o exercício tenta reproduzir, ao máximo, um gesto motor, podendo ser esportivo do algo do cotidiano. Atualmente associam o treinamento funcional a utilização de bases instáveis (bola suíça, bozu, plataformas de equilíbrio), mas isso é uma visão muito simplificada.

Imaginem um atleta realizando um exercício de remada apoiado em um bola suíça. Isso é funcional? Se for um lutador surfista pode ser que sim, mas se for um jogador de futebol provavelmente não.

Uma senhora que não tem equilíbrio, não tem força para subir uma escada se trabalharmos exercícios que vão dar essa autonomia para ela, passam a ser funcionais.

VEJA que em nenhum momento este tipo de metodologia é usado para estética mas sim dar funcionalidade ou melhorar gestos esportivos em ângulos especificístico e não aumento de MASSA MUSCULAR significativo que muitas pessoas procuram. Para isso serve a musculação estética. A INTEGRAÇÃO DOS DOIS MÉTODOS IRÁ TRAZER NÃO SOMENTE O BENEFÍCIO ESTÉTICO DA MUSCULAÇÃO, COMO TAMBÉM UMA MAIOR AUTONOMIA NO SEU DIA E SE FOR ATLETA, UMA MELHORA NOS RESULTADOS E GESTOS MOTORES. Relembrando é de extrema importância que se faça uma avaliação física de qualidade para podermos criar seu caminho.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
0 Flares Google+ 0 Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe uma resposta